domingo, maio 06, 2007

Direita vence na França

Com promessas como o "restabelecimento da autoridade, do trabalho e da moral", o conservador Nicolas Sarkozy foi eleito hoje presidente da França, com uma vantagem aproximada de 8% dos votos sobre a socialista Ségolène Royal, no segundo turno da eleição presidencial. Como prováveis primeiras medidas de seu governo, Sarkozy anuncia reforma econômica e penas mais duras para criminosos reincidentes como primeiras medidas.

Para mais informações:

- Direita vence eleição presidencial na França

- Conservador Nicolas Sarkozy é eleito presidente da França

- Nicolás Sarkozy ganó elecciones presidenciales en Francia

- Indico também uma interessante análise publicada hoje no Diário Gauche.

6 comentários:

César disse...

a frança está realmente atrasada e atrasando-se: eleger um "bush" a esta altura dos acontecimentos é muita estupidez.

agora é ver o velho espetáculo do direitista que maltrata o tecido social promovendo preconceito e desigualdade.

joice disse...

é, César. e assim o RS pode se sentir acompanhado em sua marcha na contra-mão da história.

Jean Scharlau disse...

E aqueles providenciais incêndios de carros, hein?

Tondo Rotondo disse...

Les persones procedents de la immigració així com els francesos pertanyents a nacions sense estat en seran els més grans perjudicats.

Catalans, Bascos, Bretons, Occitans, Flamencs... només al continent europeu per posar un exemple.

joice disse...

pois é, jean, acho que deram "aquela força".

joice disse...

é, tondo. a corda sempre se rompe no lado mais fraco e certamente desta vez não vai ser diferente.